Publicidade

As mortes mais dramáticas das séries de TV

As mortes mais dramáticas das séries

Acompanhar uma saga, do começo ao fim, pode ser praticamente uma tragédia anunciada. Duvido que alguém aqui nunca tenha visto um episódio que mais parecia dramalhão mexicano, daqueles que fazem doer no fundo da alma e chorar até desidratar. Mas, quem se arrepende de assistir? Ninguém! Chora mais meio litro, diz que nunca mais vai acompanhar nada assim, que série é só pra se divertir, mas tá ali, noite a dentro, pra terminar a temporada antes dos spoilers, sofrendo a cada quarenta minutos. Vai trabalhar no outro dia com o olho inchado porque não dormiu e chorou até não ter mais lágrimas. Mas, quem liga?

Separa o lencinho, se prepara pro SPOILER e dá uma olhada nessas cinco cenas trágicas que amamos:

 

As mortes mais dramáticas das séries - George O'Malley

As mortes mais dramáticas das séries

GREY’S ANATOMY
A morte de George O’Malley

Não dava pra não falar de Grey’s e essa foi a primeira de muitas tragédias marcantes da série. Muita gente gritou ao descobrir que aquele desconhecido, desfigurado, prestes a morrer na mesa de cirurgia era o querido O’malley. TODO mundo chorou um rio inteiro quando o Owen pergunta: Alguém sabe se ele era doador? São dois episódios de tristeza pura. Mas, Grey’s está aí, em sua 13ª temporada pra provar que ninguém cansou de ver morte, angústia, martírio e muita reflexão.

“Você já disse? Eu te amo. Eu não quero viver sem você. Você mudou a minha vida. Você já disse? Faça um planejamento, se fixe num objetivo, mas de vez em quando, olhe ao seu redor, absorva tudo. Porque a vida é isso. E amanhã tudo pode estar perdido.” – Meredith Grey.

As mortes mais dramáticas das séries - Poussey

As mortes mais dramáticas das séries

ORANGE IS THE NEW BLACK
A morte da Poussey

OITNB por si só já é um drama. Cada história contada na série da Netflix é uma facada no estômago. Como cada mulher daquela foi parar lá, o contexto social em que elas estavam inseridas e uma pequena associação a vida real já nos faz querer ficar num quarto escuro, deitado em posição fetal. Mas, de todas as cenas pesadas, a morte da Poussey é a pior. Não dá pra assistir toda aquela cena e não ficar sem ar, é uma mistura de lágrimas, gritos, angústia e tristeza que durante, uns três episódios, o luto parece ainda estar em você.

A temporada seguinte já veio, cheia de agonia e nervoso, mas a gente aqui quer muito mais!

“Sabe qual é o problema da realidade? É que ela ainda está lá nos esperando na manhã seguinte.” – Rosa.

As mortes mais dramáticas das séries - Hodor

As mortes mais dramáticas das séries

BREAKING BAD
A morte de Hank

Breaking Bad já até acabou, mas algumas cenas ficarão pra sempre em nossas memórias. Isso porque Heisenberg era capaz de nos causar sentimentos oscilantes, ao mesmo tempo em que torcíamos por ele, queríamos mesmo era que ele desse um fim nisso tudo e morresse logo, o que até veio a acontecer mais tarde, mas não antes de Hank, o seu cunhado, quem sempre o ajudou e ajudou a família acabar morto por culpa do próprio Walter White.

É claro que ele não queria isso, mas o fato é que o cara não merecia e estava sendo enganado pelo Heisenberg. Era uma tragédia anunciada, dentre tantas outras que nos fizeram ficar chocados durante a série toda.

“Alguém tem que proteger essa família do homem que protege essa família.” – Skyler.

As mortes mais dramáticas das séries - Hodor

As mortes mais dramáticas das séries

GAME OF THRONES
A morte de Hodor

Que quase todo mundo já morreu nessa série é fato e que muita gente partiu dessa para uma melhor muito antes de Hodor é outro fato inegável. A verdade é que todo o contexto da morte de Hodor é uma tristeza só. Pensar que aquele cara gigantesco e fiel feito um lobo só se chamava Hodor pela ordem que marcou sua vida: “Hold the door”. E que, da mesma maneira que isso o mudou completamente, também foi isso que o matou, é forte e bastante triste.

GOT não cansa de matar e mostrar sangue por aí. Entre gente ruim e gente boa, uma flechada, um golpe ou um caminhante branco, nós seguimos e esperamos ansiosamente episódio por episódio.

“A morte é certa o tempo todo, não é?” – Jaqen H’ghar.

As mortes mais dramáticas das séries - Sirius Black

As mortes mais dramáticas das séries

HARRY POTTER
A morte de Sirius Black

Tá certo que Harry Potter não é um seriado. Mas, os longos anos de história e a importância da saga até hoje fazem como se fosse, né? A cada ano ainda surge algo diferente e os fãs seguem esperando algo novo no mundo bruxo.

HP carrega em sua história uma gama de mortes tristes e não desejáveis. Mas, é inegável que a morte de Sirius magoou todo mundo que acompanhava. Agora que Harry não estaria mais sozinho, não deveria conviver com os seus tios terríveis, que tinha alguém no mundo em quem confiar, Sirius morre na frente dele que, na verdade, foi quem caiu na armadilha daquele conflito.

É triste vê-lo sozinho novamente e mais triste ainda lembrar de todos os queridos que se vão durante toda a saga. Mas, mesmo assim, HP continua passando incessantemente na TV a cabo, os livros continuam sendo vendidos e a história continua sendo revivida por aqueles que amam esse mundo mágico.

“Não tenha piedade dos mortos. Tenha piedade dos vivos e, acima de tudo, dos que vivem sem amor.” – Dumbledore.


 

O coração fica em pedacinhos, xinga o roteirista, o vilão, o mocinho, mas a verdade é uma só: A gente gosta mesmo é de sofrer!

Comenta aí quais são as mortes mais dramáticas das séries que você gosta e nos ajude a aumentar essa lista.

Vivian Helena


Leia também >>Casais que nós amamos no cinema e na TV<<

Comentários

Tags

Talvez você goste...

Desculpe-nos - Os Comentários estão desabilitados

Canal Deu Bug

novembro 2017
D S T Q Q S S
« out    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Sites Parceiros

Acesse Trem do Hype!